Voltar ao início

Para que servem os NFTs

Os tokens não fungíveis são parte de uma revolução maior que está ocorrendo no universo das criptomoedas e cada vez mais conversando com o mercado tradicional: a tokenização, ou seja, a possibilidade que permite o universo cripto estabelecer como ativos de blockchain os bens e serviços, tanto digitais como do mundo tradicional.

A possibilidade com tokens são muitas. Um personagem em um jogo pode ser um token e também o prêmio que o jogo dá quando você ganha a partida. Mas também um token pode representar sua casa ou seus direitos autorais sobre uma música. Uma moeda digital, como já dissemos, também é um token.

Nesta guia, falamos especificamente sobre NFT, mas recomendamos que você confira esses outros artigos se quiser saber mais sobre os diferentes tipos de tokens: as diferenças entre tokens e criptomoedas e a distinção entre tokens fungíveis e tokens não fungíveis.

Para que servem os NFTs
Os NFTs são usados ​​em jogos e cripto arte, mas também podem representar imóveis ou até registros médicos.

Casos de uso de NFT

Como vimos, os tokens não fungíveis são raros, escassos. Não existem 21 milhões de unidades de um NFT, como pode haver de uma criptomoeda, nesse caso o Bitcoin. Cada NFT é único por seu design e definição.

Além disso, a identidade de cada NFT é rastreada por um identificador de blockchain, um hash que permite diferenciar um token não fungível de outro. Essa funcionalidade permite criar ativos digitais exclusivos e completos, ou gerar tokens que representam ativos físicos e ativos específicos.

Por sua natureza, os NFTs podem ter usos e aplicações muito importantes fora do universo cripto, em todos os casos em que seja necessário representar ou atribuir a propriedade de bens, objetos e serviços, sejam eles digitais ou concretos.

Os casos de uso mais populares para NTF foram dados pela popularidade das cripto colecionáveis (como CryptoPunks ou CryptoKitties), o boom dos jogos play-to-earn (como Axie Infinity), as comunidades do metaverso cada vez mais massivas (como Decentraland) e a abordagem de áreas muito populares como expressão artística (com NFTs musicais e cripto arte) ou esportes (jogos de basquete, cartas colecionáveis e arte digital sobre atletas).

Mas tenha em mente que a tecnologia do NFT permite atribuir propriedade, identificar e diferenciar qualquer tipo de pacote de dados registrado na blockchain. Conforme o ecossistema cripto avança e traz melhorias em novas áreas, o alcance dos NFTs também está se expandindo.