Voltar ao início

Enviando e recebendo ETH

Todo envio ou recebimento em Ethereum é feito a partir de uma carteira ou wallet. As carteiras que permitem enviar e receber Ether, geralmente, também estão preparadas para enviar e receber outros tokens (ERC-20 e ERC-721, por exemplo) criados na rede.

As carteiras são um tipo de software que permite criar e administrar endereços (que é o necessário para começar a operar), bem como gerenciar as senhas privadas que nos permitem manter o controle das nossas criptomoedas.

Porém, essas carteiras não funcionam como aquelas que levamos no bolso, embora tenham o mesmo nome. As wallets não armazenam ETH (ou qualquer outra criptomoeda ou token) em seu interior ou em qualquer outro lugar. Na verdade, são programas informáticos que nos permitem interagir com nossos fundos/ativos cripto.

envio ou recebimento em Ethereum
Os usuários podem enviar e receber ETH e outros tokens da reda Ethereum de maneira simples, segura e rápida.

Como qualquer outra criptomoeda, o ETH não existe de forma física. As criptomoedas são registros em uma blockchain, e as carteiras apenas interagem com cada rede para viabilizar as transações que queremos realizar dentro dela.

O que é GAS

Você só precisa de um endereço para começar a operar. Além disso, as transações são pagas em GAS, uma unidade de medida usada para precificar as operações de acordo com a quantidade de processamento que requerem.

Ethereum não é apenas uma criptomoeda, mas também um computador descentralizado, e o GAS é a forma que o sistema encontrou para dar prioridade de processamento a determinadas transações.

Os mineradores contabilizam o espaço de seus blocos em unidades GAS, que são cobradas em ETH. Por isso, é preciso ter a criptomoeda da Ethereum para transferir outras que utilizam sua blockchain.

O custo de cada unidade de GAS é medido em gwei. Um gwei é igual a 0,000000001 ETH. O custo de fazer uma transferência de token era de 25.000 unidades de GAS quando acabamos de preparar esta guia.