Voltar ao início

O que é blockchain?

9/6/20

Quando o assunto são as criptomoedas, o termo blockchain sempre vem à tona. Mas o que é essa tecnologia e o que a torna tão especial?

Não é à toa que especialistas a apontam como algo com potencial para revolucionar muitos setores produtivos, impactando na forma como transacionamos valores, armazenamos e registramos informações e documentos, e até como elegemos nossos representantes. Sim, é possível eleger o presidente de um país como o Brasil por meio dessa inovação!

Uma revolução digital

A blockchain é a tecnologia por trás das criptomoedas. O conceito foi desenvolvido em 2008, por Satoshi Nakamoto (pseudônimo), e descrito no white paper que deu origem ao Bitcoin

Fazendo um paralelo com o universo analógico, a blockchain é uma espécie livro-razão contábil, que tem como finalidade registrar todas as transações de uma determinada criptomoeda, que são verificadas e validadas por meio de uma grande rede ponto-a-ponto, que atua de forma descentralizada e colaborativa, com voluntários distribuídos ao redor do globo (tecnicamente chamados de “nós”).

O que torna a blockchain única, enquanto tecnologia, é o uso da criptografia. Mas não só isso. A blockchain é pública, é um código-fonte aberto, que pode ser acessado por qualquer pessoa, a todo momento. As informações ficam registradas em blocos e os blocos são vinculados entre si, criando uma grande cadeia.

A blockchain realmente é segura?

É inviável e, pode-se dizer impossível, alterar um registro na blockchain, porque uma mudança em um bloco antigo obrigaria uma nova validação de todos os blocos anteriores, o que seria impossível de fazer sem que outras pessoas da rede detectassem.

Essa é uma das razões pela qual o risco de fraude é mitigado. Mas, além disso, esse engenhoso protocolo desenvolvido por Satoshi Nakamoto, consegue manter-se preservada porque em seu sistema a recompensa por colaborar vale mais do que o risco de tentar hackeá-la.

Isso significa dizer que a confiança que a blockchain traz para a validação de uma transação é trazida pela própria rede e não mais por uma terceira parte, cuja idoneidade tem um preço e pode ser sempre colocada sob suspeição.

Como funciona Blockchain

Bitcoin é sinônimo de Blockchain?

Uma dúvida bem comum para iniciantes é se Bitcoin e Blockchain são a mesma coisa,  quem veio primeiro, qual é a função de um em relação ao outro, por aí vai.

Bitcoin e Blockchain não são a mesma coisa. Blockchain é o protocolo que permitiu a criação da Rede Bitcoin, portanto a criptomoeda, no caso o BTC, é construída tendo como base uma blockchain.

Apesar da primeira aplicação prática bem sucedida de uma blockchain tenha sido com a intenção de ser a base de um sistema descentralizado de trocas financeiras, suas aplicações vão muito além.

A blockchain tem o potencial de impactar positivamente os mais variados mercados, como por exemplo:

  • Cadeia de Suprimentos
  • Identidade Digital
  • Cartórios
  • Direito
  • Viagens
  • Imobiliário
  • E muitos outros

O grande impacto

Toda essa confiança pode ser traduzida em transparência. E é aí que mora o poder dessa tecnologia de reconstruir nossas instituições, sejam elas públicas ou privadas. 

É claro que essa rede conta com diversos atores, cada um cumprindo o seu papel para a eficiência e proteção dessa rede, mas isso é assunto para um próximo texto