Voltar ao início

Bitcoin Pizza Day, 11 anos de comemoração

22/5/21

Há 11 anos, um investidor pagou cerca de 10 mil bitcoins em duas pizzas, quando o preço da criptomoeda era completamente diferente do que temos atualmente. Em 2010, 10 mil BTC valiam em média apenas US$41,00. 

Desde então, o bitcoin (BTC) vem crescendo e popularizando todo o mercado das criptomoedas, além de ter conquistado a adoção institucional. A criptomoeda está valendo atualmente (Maio de 2021) cerca de US$41.000, ou R$219.000.

O caso virou um grande meme e são consideradas as pizzas mais caras do mundo. Todos os anos é celebrado o dia em que o investidor e programador Laszlo Hanyecz comprou duas pizzas grandes pagando em bitcoin. 

Como surgiu o Bitcoin Pizza Day 

Em 22 de maio de 2010, o programador e investidor, Laszlo Hanyecz, publicou no fórum fundado por Satoshi Nakamoto, BitcoinTalk, quem poderia vender duas pizzas para ele. Oferecendo o pagamento de 10.000 BTC.

Foi o primeiro caso da história que utilizaram bitcoin como forma de pagamento. Sendo considerado um grande marco para as criptomoedas.

Laszlo conseguiu realizar a transação com os milhares de bitcoins, sendo um dos primeiros a contribuir com o desenvolvimento do bitcoin. As compras das pizzas comprovaram que as criptomoedas podem ser utilizadas como pagamento.

Em 2018, o programador Laszlo Hanyecz repetiu a operação, mas precisou apenas de 0,000646 bitcoins para comprar duas pizzas, valendo cerca de US$67. Contudo, ficou marcada a data e, desde então, em todos os anos, 22 de maio, é celebrado o Bitcoin Pizza Day.

Diversas promoções e campanhas são utilizadas para celebrar tal data. Relembrando o marco histórico de utilizar o bitcoin como forma de pagamento.

As pizzas mais caras do mundo

Sendo consideradas as pizzas mais caras do mundo, o Bitcoin Pizza Day é um dia muito importante para toda a comunidade cripto. Entretanto, os 10 mil bitcoins estariam valendo com a cotação atual cerca de R$2 bilhões.

Laszlo conseguiu registrar um marco em 22 de maio, além da ação mostrar a importância e o potencial da moeda. O bitcoin tem conquistado máximas históricas e diversos comércios passaram a aceitar a criptomoeda como pagamento.

Portanto, as pizzas mais caras do mundo deram início às mudanças nos métodos de pagamentos, com os avanços tecnológicos e as moedas digitais, o mercado agora possui opções mais acessíveis para realizar transações.

Além disso, o responsável pela compra das pizzas, Laszlo Hanyecz desenvolveu a mineração com GPU. No fórum BitcoinTalk, Laszlo compartilhou o protótipo para mineração de bitcoin com GPU.

É possível imaginar que Laszlo tenha bitcoins suficientes armazenados, por ser um dos primeiros a minerar a criptomoeda por GPU.

O que é bitcoin

O bitcoin foi criado em 2008 por Satoshi Nakamoto, entretanto, o pseudônimo utilizado pode pertencer a uma pessoa ou um grupo de pessoas. A criptomoeda foi a primeira moeda digital descentralizada e global. 

Essa moeda descentralizada funciona sem depender de um banco ou alguma outra instituição. Sendo baseada no mercado de oferta e demanda. O bitcoin é utilizado como método de pagamento e como reserva de valor.

Além disso, a unidade pode ser dividida em 100.000.000 partes. Portanto, a menor divisão do bitcoin equivale a 0,00000001 BTC e é conhecido como satoshi. O Bitcoin possui um limite de 21 milhões de unidades.

O processo de criação de novos bitcoins se chama mineração. O programador que comprou as duas pizzas por 10 mil bitcoins, Laszlo Hanyecz, participou do início da mineração da criptomoeda. Atualmente a mineração é realizada por milhares de computadores espalhados pelo mundo.

A criptomoeda proporciona a liberdade financeira, taxas menores, segurança, privacidade, controle e transparência. Podendo realizar transações internacionais sem pagar altas taxas e sem precisar trocar o dinheiro pela moeda fiduciária local.

Por fim, o bitcoin é considerado uma proteção contra a inflação, uma vez que não possui um banco ou instituição controlando o ativo, diferente das moedas fiduciárias, onde é controlado por um banco central.

Como comprar bitcoin

A forma mais simples e segura de comprar a moeda digital é através de uma plataforma. Existem várias corretoras que facilitam as negociações. Sendo possível negociar apenas frações da moeda.

O preço do bitcoin varia de acordo com o mercado. Mas pela Ripio é possível comprar as frações do BTC com depósitos a partir de R$50,00. Em nossa plataforma é disponibilizado uma calculadora para simular a compra em tempo real.

Por isso, para iniciar é necessário definir a quantia que pretende investir no ativo. Procure não comprometer o dinheiro destinado a suas despesas pessoais e esteja preparado para as oscilações do mercado.

Por fim, caso queira começar a investir em bitcoin, o melhor a se fazer é encontrar uma boa plataforma, como a Ripio, que oferece segurança e facilidade nas transações. Baixe agora o aplicativo iOS ou Android e dê seus primeiros passos para sua jornada rumo ao sucesso.

Além de encontrar uma série de materiais que podem te ajudar a entrar para o universo cripto, você pode comemorar o Bitcoin Pizza Day iniciando sua jornada, pois há um mundo de possibilidades te esperando.