Voltar ao início

Diferenças entre mercado futuro e à vista

22/2/21

Um número cada vez maior de bolsas tem oferecido contratos futuros de Bitcoin, em meio à crescente financeirização da criptomoeda mais popular do mundo. A resposta do mercado também tem sido positiva, com um crescimento substancial do volume negociado em 2020.

Se você pensa em investir no mercado futuro, mas não entende bem o que muda entre ele e o mercado à vista, aproveite para tirar suas dúvidas neste artigo!

O que é o mercado futuro do Bitcoin?

Um mercado futuro é qualquer ambiente em que são negociados contratos futuros. Neste caso, são contratos futuros de Bitcoin, um derivativo com o qual se firma o compromisso de comprar/vender, no futuro, uma quantia determinada em Bitcoin. No contrato futuro, são fixados uma data e um preço para a transação futura.

Como se trata de um derivativo, o contrato futuro não implica qualquer transação imediata. O Bitcoin funciona como um ativo subjacente, do qual é derivado o preço do contrato futuro. Ou seja, é possível fazer um contrato de compra de Bitcoin em uma data futura por um preço diferente do cobrado no mercado à vista. Essa possibilidade pode representar uma grande vantagem em muitas situações.

Mercado o futuro do Bitcoin

Mercado futuro vs. mercado à vista

Como já foi explicado, a diferença básica entre os mercados futuro e à vista (spot) de Bitcoin está no momento em que os contratos são executados. Disso, decorrem outras diferenças fundamentais.

Uma diferença importante costuma aparecer nos preços nos mercados futuro e spot. Com o adiamento da liquidação do pedido, os agentes podem estar dispostos a cobrar mais ou menos pela mesma quantidade de Bitcoin, em comparação com o seu preço à vista. Isso dependerá das condições de mercado.

Outra diferença relevante diz respeito à maior exposição ao risco por parte de quem negocia um contrato futuro, em relação a um contrato à vista. O mercado futuro oferece oportunidades de hedge e especulação em Bitcoin, como explicaremos a seguir, mas gera o duplo risco de desvalorização do ativo tanto em Bitcoin quanto na moeda utilizada para adquiri-lo anteriormente. Afinal, o Bitcoin flutuará também em relação a essa moeda até a data estipulada para a liquidação do contrato.

Exchange de criptomoedas: mercado futuro vs mercado a vista

Por outro lado, para quem pretende especular com Bitcoin, o mercado futuro oferece a oportunidade de obter lucros tanto na compra quanto na venda. Para isso, basta apostar no sentido correto da variação do preço do ativo. No mercado à vista, por outro lado, só é possível obter lucro no lado "comprado".

Vantagens do mercado futuro

Apesar dos riscos mencionados, o mercado futuro de Bitcoin oferece vantagens para pelo menos dois tipos de negociantes: aquele em busca proteção e quem pretende lucrar mais.

Vamos entender as motivações de cada um deles:

Proteção (hedge)

Uma função importante dos contratos futuros é proteger o negociante de uma variação acentuada no preço do ativo. E isso serve tanto para quem compra quanto para quem vende o ativo.

Não à toa, os contratos futuros surgiram para proteger agricultores de oscilações nos preços da safra. Podendo vender antecipadamente, mesmo a um preço menor que aquele praticado no tempo presente, o produtor não corre o risco de ver uma superprodução (por exemplo) colocar abaixo o valor da sua safra.

No caso do Bitcoin, a lógica é a mesma. Se alguém tem interesse em comprar ou vender Bitcoin em uma data futura, pode se proteger de possíveis variações com um contrato a um preço fechado. Se o preço do Bitcoin no mercado à vista vir a sofrer uma grande oscilação, essa pessoa não será afetada.

Especulação

Logicamente, se os preços de mercado variam no tempo, o mercado futuro também oferece boas oportunidades de lucro para quem procura especular com Bitcoin. A lógica é simples: se um investidor acredita que o preço do Bitcoin futuro está subvalorizado, ele pode fechar um contrato futuro para garantir o ativo futuramente a um preço que considera baixo.

Se o palpite do investidor estiver certo, ele poderá resgatar o Bitcoin "reservado" no futuro e vendê-lo imediatamente para lucrar com a diferença entre os preços. A mesma lógica funciona para quem pretende vender Bitcoin, invertendo-se apenas os sinais da operação.

Cuidados com o mercado futuro

Como já explicamos, o mercado futuro de Bitcoin pode ser uma boa opção para quem pretende "travar" o preço da moeda durante um prazo determinado, protegendo-se de possíveis oscilações. Muitos investidores irão procurar justamente uma forma de lucrar com essa oscilação, usando contratos futuros para especulação.

Apesar dos variados benefícios, operar neste mercado requer um alto conhecimento técnico e bastante cuidado no gerenciamento de risco da operação.

Se apesar de interessado neste tipo de mercado você ainda for iniciante e estiver dando seus primeiros passos no mercado cripto, o mercado à vista é o mais indicado. Para isso, nós da Ripio permitimos que você faça a compra de criptomoedas de forma segura e fácil, tudo através dos nossos apps para Android e iOS, ou mesmo pela plataforma web.

Quer ficar atualizado sobre o mercado cripto? Acesse o launchpad da Ripio e descubra mais sobre o universo das criptomoedas.